CÁRITAS DIOCESANA REALIZA III MÓDULO DA OFICINA DE EDUCAÇÃO CONTEXTUALIZADA


A Cáritas Diocesana de Palmeira dos Índios - AL encerrou, nos dias 12 e 13 de novembro, as atividades de formação do Projeto Cisternas nas Escolas com a realização do III Módulo de Oficinas de Educação Contextualizada para a convivência com o semiárido (ECSA), contando com a participação de 30 professores (as) das 18 escolas rurais dos municípios de Monteirópolis e Pão de Açúcar – AL, atendidas pelo projeto.
O facilitador Marco Gomes concluiu os trabalhos sobre a "Construção do Projeto Político Pedagógico nas escolas do campo com suas especificidades”, refletindo sobre o perfil das comunidades rurais produzido pelos professores e professoras a partir dos trabalhos realizados nas oficinas anteriores e, sobretudo, para a necessidade de manter-se um diálogo permanente com a comunidade escolar para execução do PPP.
Contamos também com a contribuição de uma representante do setor de educação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra de Alagoas, Luana Pomé, que fez uma breve análise de conjuntura e um relato das experiências e trabalhos desenvolvidos nas escolas de assentamentos pelo setor de educação do Movimento no estado de Alagoas.
Além de inspirar e provocar uma reflexão sobre a participação e importância dos (as) professores (as) nesse processo de transformação, Luana destacou que o movimento de luta e resistência dos educadores é indispensável para ampliar as possibilidades e apressar as mudanças que se fazem necessário dentro e fora dos muros das escolas.
O Padre Bruno Igor Oliveira, pároco de Monteirópolis, apresentou uma síntese da Encíclica Papal “LAUDATO SI”, Sobre o Cuidado da Casa Comum, do Papa Francisco, enfatizando a grande novidade do documento o qual chama a atenção dos cristãos para os problemas ambientais no planeta, conclamando a todos para fazer cada um a sua parte, no cuidado da casa que é de todos, para que possamos viver em harmonia com a vontade de Deus que criou este mundo e entregou ao homem e à mulher para que cuidasse dele com o mesmo cuidado com que cuidamos da nossa casa.
Maria Mafra, assessora do Regional NE2, na sua fala de agradecimento, destacou o papel dos professores, enquanto formadores de pessoas os quais tem o poder de mobilizar a comunidade para reivindicar das autoridades a responsabilidade que lhes cabe.

Por Tamyres Farias – Educadora Social – CDPI
Maria Mafra – Assessora Regional NE2/CDPI

Fotos: arquivo CDPI






Comentários

Postagens mais visitadas