DOM DULCÊNIO PARTICIPA DA XIX ASSEMBLEIA REGIONAL DA PASTORAL FAMILIAR

A Pastoral Familiar do Regional Nordeste 2 realizou a sua XIX Assembleia Regional,  no período de 17 a 19 de novembro de 2017, no Centro de Formação do Tambor – Diocese de Campina Grande/PB. Estiveram presentes o Bispo referencial, Dom Dulcênio Fontes de Matos, o Administrador Diocesano, Pe. Aparecido Francisco Camargo, 04 Assessores Eclesiásticos Diocesanos, a Comissão Regional e 148 Agentes da Pastoral Familiar, de vinte (Arqui)Dioceses, faltando apenas a Diocese de Pesqueira/PE.  
Tendo iniciado às 19h com momento de Oração, seguido das palavras de acolhimento e boas vindas do Administrador Diocesano, Padre Aparecido, aos participantes. Em seguida o Bispo Referencial, após fazer a abertura da Assembleia, proferiu Palestra sobre o tema: “FAMÍLIA, SEDE SAL DA TERRA E LUZ DO MUNDO” (cf Mt. 5, 13-14), tema que será trabalhado pela Pastoral Familiar em 2018, em comunhão com toda a Igreja que celebra o Ano do Laicato. No sábado, após a Celebração Eucarística, seguida da Bênção do Ícone da Sagrada Família, que peregrinará nas Comunidades da Arquidiocese de Olinda e Recife, visitando as famílias, em preparação para o 2º Congresso Regional da Pastoral Familiar NE2, no período de 27 a 29 de julho de 2018.
Dando seguimento, o Padre Luiz Júnior, da Arquidiocese da Paraíba, Proferiu Palestra sobre o Tema: Família à luz do Documento 105 da CNBB e, percorrendo a história da Igreja desde as Primeiras Comunidades Cristãs exaltou a importância e presença dos leigos/famílias desde a Igreja nascente e, sobretudo a partir do Concílio Vaticano II, onde o leigo é chamado a ser agente eclesial à Luz da Constituição Dogmática Lumem Gentiun, e concluiu conclamando os participantes a assumir com convicção e consciência a sua vocação de sujeito eclesial, para atuar na Igreja e no mundo, onde é chamado a ser fermento de santificação, manifestando Cristo a todos os homens.
Na parte da tarde, foram realizados Grupos de Trabalhos para partilha das experiências e avaliação das ações em todo o regional. Após rico momento de troca e partilha, o casal coordenador, Camêlo e Socorro, procedeu a leitura do Regimento Interno da Pastoral Familiar do NE2, em relação ao processo eleitoral e votação para os novos coordenadores, convidando o Bispo Referencial a presidir a votação. Após a composição da Comissão Eleitoral, sob a presidência de Dom Dulcênio, teve início a votação e, após a apuração, foi anunciado o nome do novo Casal Coordenador: Milton e Lourdes, da Arquidiocese de Olinda e Recife/PE  e do Casal Vice: Sandro e Lindinalva, da Diocese de Campina Grande/PB, para o triênio 2018 – 2020.
Logo em seguida foram empossados, conforme disposição regimental. Para Assessor Eclesiástico da Pastoral Familiar do Regional NE 2, foi anunciado o Padre José Ediberto, da Diocese de Palmeira dos Índios/AL. Na sequência o casal secretário, Dedé Moura e Maria, apresentou a avaliação do Plano Pastoral referente ao ano de 2017 e as metas atingidas e as reprogramadas para o ano de 2018. Após o jantar, foi proporcionado um momento cultural, com o tradicional forró pé de serra, recordando a quadrilha junina.
No domingo, dia 19, após a celebração da Santa Eucaristia, houve o retorno aos Grupos de Trabalho para proposição das ações e aprovação do Plano de ação de cada setor. Também foi apresentada a prestação de contas do Regional, seguido da apresentação da logística para a realização do 2º Congresso Regional, pelo casal coordenador da Arquidiocese de Olinda e Recife. Após a apresentação do Calendário para 2018 e do material que marcou a retrospectiva do triênio com os registros fotográficos das ações realizadas no triênio 2015 a 2017, a Assembleia foi finalizada, com a Oração e Bênção de Envio, presidida pelo Pe. Ediberto.
(PASTORAL FAMILIAR – RENE2)









Comentários